Inventário

Inventário

Leia abaixo três poemas de Inventário, de Isabela Lovato:

 

a fenda de uma pausa

espio

calculo

mordo os dedos

na incerteza do passo

que se faz avanço

mas também regresso

ao pó

de onde vim

 

***

 

na poça o reflexo

de um corpo que pende

dos olhos bem fitos

donde brotam pedaços

jazem risos oblíquos

em um chão que se fende

o vento sopra

engole em seco

 

***

 

numa (an)dança

passo leve

um fantasma

ondula branco

o ar das paredes

alvas

donde pendem

vazios

os negativos

das memórias

veladas

  • Sobre a autora:

    Isabela Lovato tem 23 anos, é professora e descobriu há pouco que é difícil falar sobre si mesma. Tem um gosto musical duvidoso e adora comer doces. Em seus 1,55m de altura, cabe uma paixão por tudo aquilo que a faz se sentir viva: uma lista que vai desde colher amoras até fingir que é poeta.

  • Informações do produto

    Capa comum: 64 páginas

    Formato: 14cm x 21cm

    Editora Libertinagem: 1ª edição.

    São Paulo, 2021

R$ 35,00Preço