top of page
Indiretas de resposta: poemas, de Renata Wolff

Indiretas de resposta: poemas, de Renata Wolff

Leia abaixo três poemas de Indiretas de repostas: poemas, de Renata Wolff:

 

a lembrança é um joelho ralado dentro do peito
 

meu irmão tocando o pianinho que ele chamava de penaninho
inventando uma sopa de tatu bola do quintal pra gente comer
improvisando dublagem avacalhada de filme da sessão da tarde
o grande tubarão branco esculpido com canivete na madeira
o forte apache e o boneco falcon e os comandos em ação
e o bicho de pelúcia cor de laranja que ele chamava fuinha
a risada dele por eu ter medo do dinossauro do elo perdido
o cabelinho playmobil e meu deus meu irmão era tão lindo
mais que os menudos que ele reunia os amigos pra imitar
mais doce que o brown cow com leite de sábado de manhã
mais engraçado que os teatrinhos que ele inventava com os primos
mais bacana que as hqs de terror e super-herói que ele desenhava
meu irmão salvou a vida de um cara que ia morrer afogado
meu irmão é lindo e mesmo não tocando piano hoje em dia
ali no meu irmão ainda tem uma supernova inteira
pra quem como eu guardou a luneta do cometa halley

 

***

 

corpo elétrico


queria mesmo é entrar devagarzinho em você
quem me dera, amor, entrar até o fundinho de você
e já na entrada sentir cada pedacinho de você
e assim me lambuzar do calorzinho de você


vem de vez me segurar com esse jeitinho de você
me ligar e me trazer pra bem pertinho de você
aproveita e me esfrega direitinho em você
mas não demora e me enfia inteirinho em você


me faz tremer em sincronia com gritinhos de você
vai, me usa à vontade e com carinho em você
até o orgasmo incendiar esse corpinho de você
e depois ainda me deixa só um tantinho em você


o meu único destino é ser bonzinho pra você
e por isso, amor, só peço um favorzinho a você
me mantenha alimentado e do ladinho de você
e vou vibrar a vida útil, gostosinho, com você

 

***

 

traição quadrilha impropriedade


salve salve o dia das mães!
celebre a tripla jornada,
suas trompas abençoadas
pelos bispos e capitães!


três hurras ao dia dos pais!
bem-vindo à uberização,
entre no app da disrupção,
dê liberdade aos capitais!


feliz dia das crianças!
preserve sua inocência,
esqueça arte ou ciência,
estude criptofinanças!


um viva aos filhos da pátria!
o povo recusa alegrias,
à mãe gentil mais valia
a força de sua labuta!

  • Informações do produto:

    Capa comum: 80 páginas

    Formato 14x21cm

    Editora Libertinagem: 1ª edição

    São Paulo: Julho/Agosto de 2024

    ISBN: 978-65-85976-15-2

  • Sobre a autora:

    Renata Wolff nasceu em Porto Alegre, em 1980. Escreve pra valer desde 2006 e sem valer nada desde pequena. É autora de “Fim de Festa” (contos, 2018), finalista do Prêmio AGES Livro do Ano e do Prêmio Jabuti, “Manhattan Lado B” (poemas, 2021), “Escenas de Bastidores” (contos, 2023, no México) e “O palco tão temido” (romance, 2023).

  • IMPORTANTE:

    INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE LIVROS ADQUIRIDOS EM PRÉ-VENDA

    Os produtos adquiridos em pré-venda funcionam como um tipo de encomenda dos nossos livros. Você compra enquanto eles ainda estão em processo de edição. A pré-venda dura três semanas e, após este período, há ainda etapas de finalização na Libertinagem antes de ir para a impressão. A gráfica responsável, por sua vez, se reserva o direito de usar um prazo de duas dias para entregar os exemplares à Editora. Em geral, é bom contar com um prazo médio de até cinco semanas para que enviemos o seu livro. Uma vez que os exemplares estiverem na Editora, os envios serão feitos imediatamente.

R$ 45,00 Preço normal
R$ 42,00Preço promocional
bottom of page